Preservativos Masculinos

This guide in English Esta guía en Español
Share on FacebookTweet about this on TwitterEmail this to someonePrint this page

male condomO preservativo masculino é um revestimento (ou capa) usado sobre o pênis durante a relação sexual. Ele previne uma gravidez agindo como uma barreira, impedindo o sêmen  de entrar na vagina, fazendo com que o esperma não alcance o óvulo feminino. O preservativo também diminui a chance de contrair uma doença sexualmente transmissível (DST) por agir como uma barreira, impedindo organismos que carregam as DSTs de passar de um parceiro para o outro. O uso de preservativos também permite ao parceiro masculino tomar parte ativa na prevenção contra uma gravidez.

A cada 100 mulheres que usam preservativos com seus parceiros
Uso típico: 18 mulheres ficam grávidas pregnant_1pregnant_1pregnant_1pregnant_1pregnant_1pregnant_1pregnant_1pregnant_1pregnant_1pregnant_1pregnant_1pregnant_1pregnant_1pregnant_1pregnant_1pregnant_1pregnant_1pregnant_1
Uso perfeito: 2 mulheres ficam grávidas pregnant_1pregnant_1

Existem dezenas de tamanhos, estilos, formas e características especiais de preservativos para escolher, uns são mais efetivos que outros. Os preservativos podem ser feitos de látex, poliuretano ou pele de cordeiro (natural). Os preservativos podem ser lubrificados ou não. Alguns contêm espermicidas, mas a maioria não. É melhor usar preservativos sem espermicida.

Existem diferentes tipos de preservativos?

Sim; preservativos vêm em diferentes tamanhos, estilos e formatos e apresentam características distintas. Os preservativos podem ser feitos de látex, poliuretano ou pele de cordeiro (também chamado de natural). Preservativos podem ser lubrificados ou não. Alguns preservativos contêm espermicidas, mas a maioria não.

Mesmo sendo os meninos os que usam o preservativo, você pode sempre ter um à mão se estiver em um relacionamento sexual ativo. Assim, vocês terão contracepção disponível, e você poderá sempre praticar sexo seguro.

 Onde eu posso comprar preservativos?

Preservativos podem ser comprados em farmácias, muitos supermercados ou pela internet. Eles são muito baratos (em torno de $0.50-2.50 dólares cada- e mais baratos ainda se você comprar mais de um ao mesmo tempo). Você também pode conseguir adquiri-los gratuitamente na escola ou no posto de saúde.

O tipo de preservativo que eu uso é importante?

Sim. O melhor tipo de preservativo para usar é o de látex. Ele providencia a melhor proteção tanto contra uma gravidez quanto contra uma DST. Entretanto, se você ou seu parceiro for alérgico ao látex, os preservativos de poliuretano são ainda uma boa opção. Eles têm a mesma proteção contra gravidez e também fornecem alguma proteção contra DSTs, embora furem mais frequentemente que os preservativos de látex. Preservativos com pele de cordeiro são efetivos contra gravidez mas não são efetivos na prevenção de DST. Depende de sua preferência usar preservativos lubrificados ou não, embora muitas adolescentes prefiram os lubrificados.

Qual é a eficácia do preservativo masculino contra gestação?

Se uma mulher tem um parceiro que usa preservativo em todas as relações sexuais e que segue sempre as instruções de uso, o preservativo é 98% efetivo. Isso significa que a cada 100 mulheres cujos parceiros usam preservativo todas as vezes corretamente, 2 mulheres ficarão grávidas em um ano.

O preservativo masculino é mais efetivo contra gravidez quando usado todas as vezes e sempre da maneira correta. Se não usado corretamente, ele é apenas 82% efetivo. Isso significa que a cada 100 mulheres cujos parceiros usam preservativo, mas eles não o usam de forma perfeita todas as vezes, pelo menos 18 mulheres ficarão grávidas em um ano.

Se usado sempre e corretamente, os preservativos são muitos bons em prevenir gravidez indesejada. A maioria das falhas dos preservativos acontece devido ao seu uso inadequado. Certifique-se de ter uma prescrição para Contracepção de Emergência (pílula do dia seguinte) ou de saber como comprá-la em uma farmácia.

Qual é a eficácia do preservativo contra DST?

A resposta para esse pergunta depende do tipo de preservativo que você usa. Preservativos de látex proporcionam uma excelente proteção contra a maioria das DSTs. O preservativo de poliuretano também provê alguma proteção contra DSTs, embora mais pesquisas sejam necessárias para saber o quão protetor eles realmente são. Lembre-se, preservativos de pele de cordeiro não previnem DSTs. Os poros são muito largos para proteger contra pequena partículas que causam algumas DSTs.

A resposta para essa pergunta também depende de que tipo de DST. Os preservativos de látex protegem contra apenas alguns tipos de DSTs. DSTs podem ser transmitidas de maneiras diferentes pela atividade sexual. Os preservativos são efetivos em diminuir o risco de DSTs que viajam através de fluidos corporais (sangue e sêmen), como HIV/AIDS, hepatites, clamídia e gonorreia.

Os preservativos são muito menos efetivos contra DSTs que são causadas por organismos que vivem em feridas nos genitais, como a sífilis. DSTs como o herpes ou o papilomavírus humano (HPV- também conhecidos como verrugas genitais) também ocorrem na pele da genitália e podem ser transmitidos de um parceiro para o outro mesmo com o uso de preservativos.

Mais importante, a efetividade dos preservativos contra DST depende se os preservativos foram armazenados adequadamente e se foram utilizados corretamente todas as vezes.

Existem outras maneiras de diminuir minhas chances de contrair uma DST?

Sua melhor proteção é não manter relações sexuais. Se optar por ter relações sexuais, preservativos são a sua melhor proteção. Você também pode diminuir suas chances de contrair uma doença sexualmente transmissível por praticar sexo apenas com um parceiro que não tenha DSTs e que não esteja mantendo relações sexuais com outras pessoas.

Onde eu devo armazenar preservativos ainda não utilizados?

Mantenha os preservativos em um lugar seco e escuro com temperatura ambiente. Lugares extremamente quentes ou frios podem enfraquecer o material. Humidade ou luz solar também podem quebrar o látex, fazendo com que o preservativo quebre ou rasgue mais facilmente. Preservativos não devem ser carregados na carteira ou armazenados no porta luvas do carro por mais de duas semanas, porque o material irá enfraquecer e terá maior probabilidade de quebrar ou de rasgar.

Por quanto tempo um preservativo dura?

Sempre verifique a data na embalagem. Alguns preservativos são marcados pela data de fabricação (DF: data de fabricação). Você pode usar preservativos por até 4 anos após a data de fabricação. Outros são marcados pela DV, data de validade. Você não deve usar preservativos após a data de validade. Se você não tiver certeza da validade do preservativo, jogue-o fora e compre um novo. Nunca use preservativos que sejam quebradiços, pegajosos, danificados ou com uma cor atípica. O uso de preservativos que passaram da data de validade é outra razão para a falha do método.

Como eu uso um preservativo?

Abrindo a embalagem: seja cuidadosa ao abrir o pacote do preservativo para que você  não danifique ou rasgue o látex  com o dente, unhas ou anéis. Não desenrole o preservativo antes de colocá-lo no pênis, porque isso pode enfraquecer o látex e dificultar seu uso.

Após retirar o preservativo da embalagem: gentilmente, pressione a ponta para retirar o ar. Certifique-se de deixar espaço na ponta (aproximadamente 1 cm) para armazenar o sêmen, para que ele não transborde para fora do preservativo.

O uso de lubrificantes: você pode usar um lubrificante a base de água (como de glicerina ou gel lubrificante) durante a relação sexual para prevenir a quebra do preservativo. Se você colocar uma gota de lubrificante (como KY gel) dentro da ponta do preservativo, você pode aumentar tanto a sensação quanto a segurança.

Nunca use lubrificante a base de óleo, já que ele enfraquece o látex e  pode quebrá-lo. Lubrificantes a base de óleo incluem azeite, loções, vaselina ou óleo de bebê. Medicações que tratam infecções fúngicas femininas também podem enfraquecer o preservativo.

Colocando o preservativo: você pode colocar o preservativo no rapaz ou ele mesmo pode colocá-lo. Se você colocar o preservativo no seu parceiro, segure a ponta do preservativo entre o polegar e o indicador contra a cabeça do pênis. Coloque o preservativo quando o pênis estiver ereto. Se o pênis dele não for circuncisado, retraia o prepúcio antes de colocá-lo. Desenrole o preservativo ao longo do pênis ereto.

how to put on a condom

Retirando o preservativo: Após o rapaz ejacular, ele deve retirar o preservativo enquanto o pênis ainda estiver enrijecido, já que o preservativo pode facilmente deslizar quando a ereção desaparecer. Ele deve segurar o preservativo na base do pênis enquanto retira, para que o sêmen não se espalhe. Então, poderá gentilmente enrolar o preservativo em direção à ponta do pênis para retirá-lo.

O que você deve fazer com um preservativo usado?

 Você deve enrolar o preservativo em um papel e colocá-lo no lixo. Não coloque no vaso sanitário e puxe a descarga, já que ele pode entupir o encanamento. Preservativos não podem ser reutilizados, então use um preservativo novo cada vez que você tiver uma relação sexual.

Lembre-se: use um preservativo novo cada vez que você tiver uma relação vaginal, anal ou oral.

E se o preservativo quebrar ou rasgar?

Primeiro, não entre em pânico – mas peça ao rapaz para retirar o pênis imediatamente. Se você não estiver usando outro método contraceptivo, como as pílulas anticoncepcionais, você deve considerar tomar a Contracepção de Emergência (pílula do dia seguinte) para prevenir uma gravidez. Se você não conseguir entrar em contato com seu médico, você poderá ligar para a Emergency Contraception Hotline (1-888-NOT-2-LATE) ou verificar na internet. Se você achar que pode ter sido exposta a uma DST, fale com seu médico.

Outras coisas para lembrar:

  • Se o preservativo quebrar mas você quiser continuar a relação sexual, certifique-se de usar um novo preservativo.
  • É uma boa ideia saber aonde conseguir Contracepção de Emergência (pílula do dia seguinte) antes de você precisar.
  • Tente entender o porquê do preservativo ter rompido para que não aconteça novamente

Com que frequência o preservativo rompem?

Os preservativos raramente rompem se eles são usados e armazenados corretamente. O uso adequado depende da habilidade e da experiência da pessoa que o utiliza.

Quando o preservativo rompe, geralmente é porque:

  • O espaço para o sêmen não foi deixado na ponta do preservativo
  • O preservativo está fora do prazo de validade
  • O preservativo foi exposto ao calor ou à luz do sol
  • O preservativo foi rasgado pelo dente ou pelas unhas

Além disso, o uso de lubrificantes a base de óleo (ao invés de a base de água) enfraquece o preservativo, causando o rompimento do mesmo. Então se você armazenar e usar o preservativo corretamente, é muito improvável que ele rasgue.

E se o preservativo escapar e eu não conseguir removê-lo da vagina?

Não entre em pânico! Você provavelmente será capaz de removê-lo introduzindo um dedo na sua vagina. Se você não conseguir, você poderá entrar em contato com seu médico para uma consulta.

As pessoas podem ser alérgica ao preservativo?

Algumas pessoas podem ter reações alérgicas ao preservativo, o que pode ser devido ao espermicida ou ao látex. Se achar que possa ser devido ao látex, você deve tentar um preservativo masculino (ou feminino) de poliuretano. Certifique-se de que o preservativo não contenha espermicida.

Eu preciso usar outras formas de contracepção com o preservativo masculino?

É uma boa ideia usar duas formas de contracepção para aumentar a proteção contra uma gravidez. Por exemplo, você pode usar pílulas anticoncepcionais e preservativos. Entretanto, nunca use dois preservativos ao mesmo tempo – isso causa fricção, a qual aumenta as chances do preservativo romper.